Doenças cardiovasculares são principal causa de morte no mundo.

Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no mundo. A cada ano, cerca de 17 milhões e meio de pessoas são vítimas de problemas do coração, como por exemplo, ataques cardíacos e derrames. De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil, 300 mil pessoas sofrem infartos todos os anos, e em 30% dos casos o ataque cardíaco é fatal.

De acordo com a cardiologista Fátima Dumas Cintra, o colesterol alto e o sedentarismo são fatores de risco para o aparecimento de doenças. Segundo ela, o principal vilão é a hipertensão, mais conhecida como pressão alta, que acaba sobrecarregando o sistema cardiovascular. “Sem dúvida alguma a elevação da pressão arterial, a pressão alta, ela realmente é um fator muito relevante hoje em dia como desencadeador de uma série de doenças cardiovasculares, em especial Acidente Vascular Cerebral (AVC), infarto agudo do miocárdio e a ocorrência de algumas arritmias.”