Curso de Medicina da UFRN em Caicó tem nota de corte mais alta do país

A nota de corte para os candidatos a uma vaga em Medicina no campus Caicó da UFRN é a mais alta para o curso em todo país. A nota mínima para uma das 20 vagas de ampla concorrência era de 881,76 pontos até meia noite da terça-feira (23), quando foram divulgadas as primeiras médias parciais do Sistema de Seleção Unificada, plataforma que utiliza as notas do Enem para ingresso em universidades públicas.

A média, no entanto, pode sofrer alterações até às 23h59 desta sexta-feira (26), prazo máximo para inscrição dos candidatos. No geral, as instituições do Rio Grande do Norte receberam até as 18h (horário de Brasília) desta quarta-feira (24), 93.841 inscrições no Sistema de Seleção Unificada (SiSU).

No ranking de notas mais altas do estado, o curso de Direito no campus Caicó da Universidade Federal do rio Grande do Norte ocupa o segundo lugar, com média 802,72. A justificativa para a instituição concentrar médias tão altas é o argumento de inclusão, criado em 2013. Os candidatos da região tem a nota acrescida em 20% para incentivar que estudem no município e não precisem sair após a conclusão do curso.

A média para estudar Medicina pela UFRN em Caicó também é a mais alta para o curso no comparativo com todas as outras instituições do país que aderiram ao Sisu como método de ingresso. Em seguida está a nota de corte do Instituto de Ciências da Saúde (ICS), em Belém, onde a pontuação mínima para concorrer a uma das sete vagas de ampla concorrência é 875,56. Depois, o Campus Agreste da Universidade Federal de Pernambuco, em Caruaru (841,37).