Após 4h de julgamento, Guerrero aguarda decisão da Fifa sobre doping

Depois de um longo julgamento na sede da Fifa, em Zurique, com duração de mais de quatro horas, Paolo Guerrero saiu confiante de que conseguiu provar tudo o que deveria para não ser punido pela entidade máxima do futebol. O atacante do Flamengo e da Seleção Peruana revelou que está descartado qualquer uso de cocaína e aguarda a decisão final, que deve ser anunciada na próxima segunda-feira.

“Estou tranquilo e vim até a Suíça para provar isso. Posso dizer que está descartado qualquer uso de cocaína. Isso não conta mais e estou seguro da absolvição”, disse Guerreiro. “Foi um longo julgamento, mais de quatro horas, mas consegui utilizar todas as provas fundamentais”, completou o atacante.

Paolo Guerrero testou positivo para a substância benzoilecgonina, principal ativo da cocaína, após a partida contra a seleção da Argentina, pelas Eliminatórias. Assim que foi anunciado o resultado do exame, o atleta foi obrigado a cumprir a punição preventiva de 30 dias, que tirou o camisa nove da repescagem para a Copa do Mundo de 2018, quando o Peru superou a Nova Zelândia, e das partidas do Flamengo, onde vem treinando de forma separada.