Ciro diz que não vai compor com PT e critica Lula: ‘Nunca foi santo’.

 
Presidenciável pelo PDT em 2018, o ex-governador do Ceará Ciro Gomes disse que uma eventual candidatura à Presidência da República do petista Luiz Inácio Lula da Silva não seria boa para o Brasil, e detonou as pretensões do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB). As afirmações foram feitas em entrevista à jornalista Mariana Godoy, da RedeTV!.
 
Sobre alianças, Gomes descartou formar uma chapa com o PT, que tem como característica a “solidão no processo político-eleitoral, é um cacoete da esquerda velha”. “Não é provável que eu componha chapa com o PT, menos por mim, mais porque o PT tem a natureza do escorpião, eles votam em si próprio e não parecem sequer aprender com os erros que cometeram recentemente”.
 
Foi então que Gomes entrou no tema Lula. E com o petista no pleito, o pedetista afirmou que não gostaria nem de disputar, uma vez que a presença do ex-presidente tende a estressar “o processo político eleitoral brasileiro de um jeito tal, que os ódios e paixões vão dominar, nós não teremos um minuto para discutir o futuro do país”.
 
“Eu respeito. Nem amo, nem odeio. O Lula, para mim, é um grande brasileiro, mas nunca foi mito, nunca foi santo, ele não tem a faculdade da infalibilidade papal”, afirmou.