Três funcionários de uma metalúrgica de Parelhas sofreram descarga elétrica trabalhado em Caicó; um morreu

Vítima Claudinei

Na tarde desta quinta-feira, (18), por volta das 15 horas, três funcionários da Metalúrgica Dantas, da cidade de Parelhas/RN, que estavam fazendo a fixação de andaimes no parque industrial na localidade identificada como fazenda Santa Rita, sofreram uma descarga elétrica.

No acidente, um dos rapazes morreu. Trata-se de Claudinei Gonçalves de Almeida, de 19 anos, natura de Gama/DF. Os outros dois, sofreram queimaduras pelo corpo, mas, passam bem. Eles, foram identificados como: Edilson Genário de Oliveira e Janailton Carlos de Araújo, de 47 anos, residente no Bairro Maria Terceira em Parelhas.

De acordo com informações que o Blog apurou, os funcionários da metalúrgica estavam trabalhando quando encostaram acidentalmente nos fios de alta tensão. Os funcionários de uma empresa que fica ao lado viram quando aconteceu o acidente. Eles chamaram o Corpo de Bombeiros que levou os rapazes para o Hospital Regional.

Aparentemente, os três  profissionais estavam trabalhando sem os equipamentos de segurança, ato inclusive que já deixou várias pessoas mortas nos últimos meses em Caicó.

Polícia Civil de Baraúna recaptura foragido da Penintenciária Mário Negócio

Francisco Everaldo de Oliveira, o Negão está preso

Policiais Civis da Delegacia de Polícia Civil de Baraúna recapturaram hoje quinta pela manhã, na comunidade rural do Juremal, município de Baraúna, o foragido da Penitenciária Agrícola Mário Negócio, Francisco Everaldo de Oliveira, vulgo “Negão”. Ele estava foragido há cerca de um ano. “Negão” cumpria pena no regime semiaberto por Tráfico de Drogas.

Os Agentes da Delegacia de Baraúna já estavam investigando a presença de um foragido na comunidade, quando constataram que se tratava do “Negão”.

Os policiais receberam informações sobre a localização exata de onde ele estava se escondendo, bem como do novo endereço para onde ele estava indo.

Após receber a informação de que ele estaria se evadindo do local, os agentes de polícia civil da Delegacia Civil de Baraúna, fizeram o cerco, de onde o foragido ainda tentou fugir, sendo perseguido a pé e de viatura pelos policiais, que conseguiram alcançá-lo e prendê-lo.

Um fato curioso na prisão de Negão foi que quando os policiais o perguntaram por seus documentos, o mesmo respondeu que teria ateado fogo nos documentos para dificultar sua identificação caso fosse abordado por policiais.

Everaldo, como é mais conhecido, estava se escondendo na comunidade do Juremal há cerca de dois meses, vindo de Mossoró.

Agora ele será reconduzido para a Penitenciária Mário Negócio para cumprir o restante de sua pena.

Mais um assalto registrado em Caicó

Hemerson Dantas Paiva foi preso acusado do assalto

A onda de assaltos continua assustando a população e o comércio de Caicó. Na tarde de hoje quinta-feira (18), mais uma ação de bandidos foi registrada no bairro Barra Nova na zona oeste da cidade.

Informações da policia que dois elementos chegaram armados a uma mercearia próximo a sorveteria Sergipana. Em menos de 24h já são dois assaltos na mesma área. Ontem uma distribuidora de bebidas foi assaltada.

Viatura danificada na ocorrência - FOTO: Serido Acontece

A policia foi acionada e na perseguição os bandidos quase capotaram a viatura em uma curva brusca, chegando a danificar o carro.

Segundo informações um dos meliantes já foi preso e já está na DP. Trata-se de Emerson Dantas Paiva, de 19 anos. O outro já foi identificado, mas, a policiais pediram sigilo até ele ser preso.

Delegado afirma que loira apontada como líder de quadrilha era fria e violenta

Suspeita costumava dar coronhadas e ferir suas vítimas durante assaltos

Policiais civis da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur) prenderam na noite desta quarta-feira (17) uma mulher identificada Kilssia Carneiro Pereira, de 21 anos, natural de São Sebastião da Boa vista (PA), mais conhecida como a “Loira do Mal”. Ela é suspeita de liderar uma quadrilha que praticava assaltos a estabelecimentos comerciais e residências em Natal. Os detalhes da prisão foram divulgados na manhã dessa quinta-feira (18) durante coletiva de imprensa na Delegacia Geral de Polícia Civil (Degepol).

De acordo com o delegado titular da Defur, Atanásio Gomes, a prisão da mulher aconteceu no início da noite de ontem após informação que chegou à equipe da especializada. “Nós recebemos a informação que ela estava no Presídio Provisório da Zona Norte para visitar o companheiro e fizemos campana no local, onde conseguimos prendê-la”, relatou.

Os policiais civis seguiram até a residência da acusada, localizada em Parnamirim, onde foram apreendidos diversos objetos possivelmente fruto de roubo, dentre estes estavam pares de tênis, celulares e um microondas.

A Defur vinha investigando há dois meses sobre uma quadrilha de assaltante comandada por uma mulher de cabelo loiro, com sotaque pernambucano. Uma mulher com essas mesmas características é flagrada em imagens de segurança durante um assalto a um shopping localizado na Zona Sul de Natal ocorrido no dia 1º de março e foi reconhecida pelos policiais com sendo a Loira do Mal.

Segundo depoimento da acusada à polícia, ela estaria na capital potiguar há dois meses e teria vindo à cidade para visitar o marido, pai de seu filho de 4 anos, que está preso e custodiado no Presídio Provisório da Zona Norte. Ela confessou apenas um assalto que teria sido feito a uma loja do shopping com o auxílio de mais dois comparsas no qual teriam subtraído a quantia de R$ 45 mil. Ela disse ter recebido mil reais na partilha, no entanto, negou ter praticado outros assaltos.

PM acha 18 facas em presídio do RN

Facas, celulares e drogas foram encontrados durante a revista realizada em Alcaçuz

A revista realizada na manhã desta quinta-feira (18) no Pavilhão 1 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior unidade prisional do Rio Grande do Norte, encontrou 18 facas artesanais, 16 aparelhos celulares, 15 trouxinhas de drogas, duas balanças de precisão, vários carregadores e vários chips para celular, segundo informou a diretora Dinorá Simas.

De acordo com o coronel Dancleiton Pereira Leite, comandante do Batalhão de Choque da PM, que utilizou mais de 30 policiais para fazer as buscas, a missão foi de rotina, mas também de prevenção para a visita do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, que chega a Natal na noite desta quinta e, na tarde da sexta (19), deve visitar a penitenciária.

 Alcaçuz

Pavilhão 1 de Alcaçuz foi alvo da operação feita pela PM e agentes penitenciários

A Penitenciária Estadual de Alcaçuz, localizada no município de Nísia Floresta, na Grande Natal, possui hoje 705 homens, além de outros 398 detentos que estão custodiados no Pavilhão Rogério Coutinho Madruga, anexo da unidade. A penitenciária foi liberada para receber novos presos em outubro do ano passado, após passar dois meses interditada pela Justiça em razão da falta de estrutura física e deficiência na segurança.

Veículo capotou na RN 088 entre Acarí e Cruzeta

Na tarde de ontem quarta-feira (17), um capotamento foi registrado na RN 288, entre as cidades de Acarí e Cruzeta, envolvendo um veículo modelo Gol de placas MZL 3318/Natal, conduzido por Luiz Carlos de Souza Dantas, 65 anos, residente em Acarí.

Segundo o condutor, um caminhão seguia na direção oposta em cima da faixa ocupando a contramão e para evitar uma colisão frontal ele puxou para o acostamento, e quando tentou voltar para cima da pista perdeu o controle e capotou várias vezes.

O motorista sofreu escoriações leves.

Policiais do 2º GPRE estiveram no local.

Carreta carregada com brita tomba na RN 041 próximo a Lagoa Nova

Na tarde de ontem quarta-feira na RN 041, de acesso a cidade de Lagoa Nova, uma carreta caçamba conduzida por Helenilson Gomes Ribeiro, 26 anos, carregada com brita tombou em uma das curvas da serra.

Segundo o condutor do veículo, o mesmo não conseguiu subir a serra, e quando tentou parar, os freios não obedeceram e para evitar o pior o motorista jogou o veículo para  fora da pista ocasionando o tombamento.

Um popular que seguia por traz da carreta em uma Kombi tentou ajudar o carreteiro colocando pedras nos pneus da caçamba.

O condutor da carreta não se feriu.

Policiais do 2º GPRE estiveram no local fazendo os procedimentos de praxe.

Jardinense recupera linha do Seridó

A Viação Jardinense conseguiu na Justiça o direito de manter o exercício das atividades da empresa na operação das linhas que tenham como destino, origem ou itinerário, o município de Caicó. O desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, Amaury Sobrinho, reformou a suspensão das linhas, determinada em primeiro grau, condicionando o retorno das atividades ao depósito judicial, no prazo de 48 horas, dos honorários referentes à perícia de toda a frota.  A empresa deve passar por melhorias e passagens podem sofrer reajuste.

O valor do depósito é de R$ 25 mil e, segundo os advogados da empresa, já foi realizado. “São perícias judiciais, designada pelo juiz, que vão avaliar a conformidade dos veículos da empresa”, explicou a advogada Kênia Gadelha. Ela disse ainda que o pagamento é uma forma de reversão ao dano moral coletivo.

O proprietário José Baltazar afirmou na tarde de ontem que a empresa deverá passar por algumas melhorias. “Temos uns carros novos que devem ser colocados nas linhas de Caicó e vamos tomar uma série de outras medidas. Mas não tem nada definido. Vamos nos reunir e definir”, adiantou.

No final do mês passado, o juiz André Melo Gomes, da 1ª Vara Cível de Caicó, determinou que a Viação Jardinense encerrasse as atividades das linhas que passam por Caicó, inclusive Caicó-Mossoró, Caicó-Pau dos Ferros e Caicó-Campina Grande (PB). A decisão é o desdobramento de uma Ação Civil Pública impetrada pelo Ministério Público Estadual (MPE), ainda em 2011, cobrando melhorias no serviço prestado pela empresa.

Loira suspeita de liderar quadrilha de assaltantes é presa ao visitar presidiário

A Polícia Civil conseguiu localizar e prender a mulher que vem sendo apontada como a líder de uma quadrilha de assaltantes. O bando estava agindo em Natal há pelo menos dois meses, invadindo estabelecimentos comerciais para roubar. A loira, que é natural do Pará, mas ainda não teve a identidade revelada, foi presa no início da noite desta quarta-feira (17), quando visitava o marido no Presídio Provisório da Zona Norte.

Os agentes penitenciários da unidade reconheceram a suspeita após a divulgação de um vídeo em que a loira é flagrada, juntamente com um homem de terno, assaltando uma loja na zona Sul de Natal. Após o reconhecimento, os agentes acionaram os policiais da Delegacia de Furtos e Roubos.

A Defur, sob o comando do delegado Atanásio Gomes, vem investigando a quadrilha há mais de um mês, após o registro de vários assaltos com as mesmas características, indicando que uma mulher loira com sotaque de outro estado seria a líder do grupo. Além disso, as vítimas relatavam que os homens estavam sempre vestidos de terno, conforme consta no vídeo divulgado pelo Portal BO.

O delegado Atanásio Gomes ainda não quis revelar a identidade da mulher, pois está em diligências para tentar localizar os demais integrantes do grupo que vinha praticando assaltos. Porém, ele disse que a suspeita confessou o crime realizado a uma loja do shopping da zona Sul, crime que foi filmado pelas câmeras.

A equipe da Delegacia de Furtos e Roubos já localizou a casa onde a loira estava morando, na rua Doutor Mário Negócio, no bairro de Rosa dos Ventos, em Parnamirim. Agora, eles tentam encontrar materiais roubados.

Kitnet pega fogo em Parnamirim e bombeiros controlam o incêndio

Moradores não estavam no apartamento no momento em que o fogo começou

Um kitnet localizado na Rio Água Vermelha, no Parque Industrial, em Parnamirim, pegou fogo, na noite de ontem quarta-feira (17) e o Corpo de Bombeiros teve que ser acionado para controlar o incêndio.

No momento em que as chamas começaram, ninguém estava dentro do kitnet. No entanto, vizinhos começaram a sentir o cheiro forte de queimado e viram fumaça saindo de dentro do apartamento.

Com isso, eles decidiram ligar para o Corpo de Bombeiros. Antes que os bombeiros chegassem, porém, os próprios moradores do condomínio conseguiram arrombar a porta do kitnet. Isso fez com que a fumaça se espalhasse e o fogo não formasse uma grande pressão no teto do apartamento.

Apesar disso, os bombeiros tiveram dificuldade para entrar no kitnet, devido a grande quantidade de fumaça e o calor intenso. Eles tiveram que usar máscaras e cilindros de oxigênio. Vários móveis foram queimados.

Os bombeiros disseram a reportagem do Portal BO que ainda não é possível precisar o que provocou o incêndio, mas a suspeita é de um curto-circuito. Nesta quinta-feira (18), uma perícia deverá ser feita no local e, inclusive, o Corpo de Bombeiros vai avaliar a possibilidade de interditar os apartamentos vizinhos.

Policiais decidem que não vão mais custodiar presos de Justiça

Categoria dá 30 dias para governo adotar medidas, após o prazo avaliará greve

Após um dia inteiro reunidos em assembléia, discutindo estratégias de luta contra o retorno de presos para delegacias e pela convocação de concursados, os policiais civis do Rio Grande do Norte decidiram que não vão mais, sob hipótese alguma, custodiar ilegalmente presos nas delegacias. Diante disso, o Sinpol/RN produzirá uma recomendação que será enviada para todas as delegacias da Grande Natal e interior informando como devem proceder com presos de justiça e flagranteados.

O documento recomendará, por exemplo, que os policiais não recebam mais presos com mandado de prisão vindos da Polícia Militar ou por populares. Nestes casos, deverão ser entregues diretamente ao sistema penitenciário. E mesmo nos casos dos flagranteados, os juízes e promotores de plantão devem ser comunicados de imediato, pelas delegacias, para que possam designar local apropriado no sistema penitenciário.

A categoria decidiu ainda que dará um prazo de 30 dias para que o Governo finalmente adote medidas no sentido de resolver a questão dos presos em delegacias. Neste período, o sindicato tentará reunião com as autoridades responsáveis (sobretudo SEJUC e SESED). Existe uma perspectiva para esta semana, visto ainda que nesta terça, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, informou que tentaria uma audiência com o Governo para a tarde da próxima sexta-feira (19).

Mas os policiais adiantam que, não havendo sinalização de providências, avaliará um indicativo de greve na assembléia já agendada para acontecer às 18h do dia 16 de maio.

SAIBA

Os policiais aderiram maciçamente à paralisação de 24 horas na Grande Natal e interior. Delegacias distritais não funcionaram, sendo apenas registrados os flagrantes delito nas plantões da zona Norte e Sul de Natal e 10 regionais do interior. Os policiais realizaram ainda atos públicos na capital e em Mossoró (passeata e panfletagem). Estiveram na assembléia em Natal a deputada federal Fátima Bezerra e o vereador Sandro Pimentel, que garantiram dar apoio à luta dos policiais civis.

Fonte: Sinpol-RN

Agentes e PM impedem entrada de celulares e drogas no CDP de Assu

Os agentes penitenciários e policiais militares da Força Tática de Assu conseguiram impedir a entrada de celulares e drogas no Centro de Detenção provisória daquela cidade, na noite da última terça-feira (16). Dois homens foram flagrados tentando jogar uma sacola com o material ilícito e houve um tiroteio entre eles e os agentes.

A dupla conseguiu fugir, no entanto, foram apreendidos seis aparelhos celulares, oito carregadores, dois fones de ouvido, e 146 gramas de maconha. Os agentes estavam em reunião quando viram pelo sistema de monitoramento por câmera os suspeitos pulando o muro do CDP.

Com isso, os agentes correram e atiraram para o alto, como forma de intimidar os suspeitos. A dupla, porém, atirou em direção aos agentes penitenciários. Neste momento, policiais militares que estavam próximo ouviram os disparos e foram até o local. Houve uma perseguição, mas os dois suspeitos conseguiram fugir.

Eles deixaram para trás a sacola em que estavam os celulares e a droga. O material apreendido foi encaminhado para a Coordenadoria da Administração Penitenciária (Coape).

Presos na operação Máscara Negra devem ser soltos na sexta, diz juíza

A juíza de Macau, Cristiany Maria de Vasconcelos Batista, informou que vai mandar soltar as 12 pessoas que continuam detidas em razão da operação Máscara Negra, deflagrada no último dia 9, em várias cidades do Rio Grande do Norte. O grupo deve ser solto na sexta-feira (19), logo que terminar o prazo das prorrogações das prisões temporárias. Segundo o Ministério Público, não há a necessidade de manter os suspeitos presos, pois não existe mais a possibilidade deles atrapalharem as investigações.

 O MP investiga desvios de R$ 3 milhões em contratações fraudulentas de shows musicais, estrutura de palco, som, trios elétricos e decoração para eventos realizados entre os anos de 2008 a 2012 em Guamaré e Macau, cidades do litoral Norte potiguar.

Segundo a magistrada, o grupo vai continuar preso até o final do prazo. "Vou manter as 12 pessoas presas até o último momento", afirmou Cristiany.

Segundo o procurador-geral do MP no RN, Manoel Onofre Neto, não há a necessidade de manter os suspeitos presos por mais tempo. "Eles não estão atrapalhando a investigação. Caso comecem a atrapalhar, aí sim, poderemos solicitar a prisão preventiva", ressaltou.

Operação Máscara Negra

A operação Máscara Negra foi deflagrada pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte  no último dia 9 em combate a supostas fraudes em licitações para contratações de bandas para eventos festivos no RN e ainda em São Paulo, Ceará, Pernambuco, Bahia e Paraíba. Os mandados de busca e apreensão e de prisão foram assinados pela juíza da comarca de Macau, Cristiany Maria de Vasconcelos Batista. A Polícia Militar deu apoio aos promotores no cumprimento dos mandados.

O MP revelou que, “só no ano passado, a Prefeitura de Guamaré gastou mais de R$ 6 milhões em festividades, enquanto que a de Macau chegou à cifra de R$ 7 milhões entre 2008 e 2012. Esses gastos com contratações de bandas e serviços para festas compreendem mais de 90% do recebido em royalties no período e mais de 70% do recebido em FPM (Fundo de Participação dos Municípios)”.

Polícia apreende 785 quilos de maconha que era transportada do RN para o Ceará

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na tarde desta quarta-feira (17), 785 quilos de maconha na tarde desta quarta-feira (17) na entrada do município de Aracati, Litoral Leste, distante cerca de 148 quilômetros de Fortaleza.

A droga estava em um veículo modelos Hilux. De acordo com o delegado Tharfio Facó, o motorista não obedeceu ao pedido de parada pelos policiais do posto da PRF localizada no quilômetro 53 da BR-304. Na perseguição, foi pedido o apoio da Polícia Civil e Militar. O veículo foi interceptado na entrada de Aracati.

José Reinaldo Melo Costa, de 40 anos, foi preso em flagrante. Neste momento, o acusado está sendo interrogado.

Assaltante é preso em flagrante

Foi preso em flagrante no início da manhã de hoje (17), Kleyson Clementino da Silva, 27 anos, morador do Canto do Mangue e conhecido como "Novinho". Preso por militares do 1º Batalhão, ele é acusado de praticar diversos roubos, principalmente na avenida Duque de Caxias, na Ribeira, e na rua São Judas Tadeu, entre a Ribeira e o bairro das Rocas.

De acordo com policiais do 1º BPM, ele é acusado de tentativa e roubo a civis e militares do Exército. Segundo o soldado Geraldo, o preso é "bastante conhecido da Polícia". Sobre a prisão realizada na manhã de hoje, ele conta que o batalhão recebeu denúncia de outro assalto, possivelmente praticado por Novinho, próximo à Comunidade do Maruim, onde Kleyson Clementino foi preso.

Outras vítimas de Novinho estiveram na 2ª Delegacia de Polícia Civil, em Brasília Teimosa, para reconhecê-lo. Preferindo não se identificar, esses alvos dos crimes afirmam que ele costuma abordar seus alvos conversando de forma tranquila, até que anuncia o assalto com uma faca.

Uma vítima dele na semana passada disse que Novinho, após anunciar o assalto, pediu celular, mas a vítima reagiu, e conseguiu fugir sem ter nenhum objeto roubado. Uma outra vítima, que afirma ter sido roubado no ano passado, disse que o mesmo assaltante levou a mochila, um relógio e um celular.

O delegado Amaro Rinaldo, responsável pela 2ª DP, disse que Novinho, que já foi preso no ano passado, ficará na delegacia, mas deve ser levado para um Centro de Detenção Provisória (CDP), ainda não especificado. Militares lembram ainda que Kleyson Clementino costumava assaltar entre 5h e 7h e entre as 19h e 22h, na maioria das vezes entre a Ribeira e as Rocas.

Ibanez Monteiro é eleito desembargador do TJ do RN

Juiz Ibanez Monteiro é eleito desembargador do TJ do RN

O juiz Ibanez Monteiro da Silva foi eleito nesta quarta-feira (17) desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. Ele assume a vaga aberta após a aposentadoria do desembargador Rafael Godeiro.

Juiz titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Ibanez Monteiro chega ao TJ promovido pelo critério de merecimento, concorrendo com outros 14 colegas de toga. O novo desembargador obteve a pontuação final de 92,43 pontos, segundo os critérios dos 12 magistrados com direito a voto. Ele liderou a lista tríplice, que foi composta ainda pelos juízes Cornélio Alves, que somou 90,90 pontos, e Francisco Seráphico, que contabilizou 89,73 pontos.

Pelas regras da promoção dos juízes por merecimento, caso um juiz seja indicado pela terceira vez para compor uma lista tríplice, ele necessariamente conquistaria a vaga de magistrado de segundo grau, uma vez que o regimento prevê a condução direta ao cargo nestes casos. Esta era a situação do juiz Ibanez Monteiro, que no entanto, figurou no 1º lugar da lista tríplice após o fim da votação.

O presidente do Poder Judiciário potiguar, desembargador Aderson Silvino, destacou que o voto fundamentado de cada magistrado, como o que ocorreu nesta quarta-feira, representa um momento importante para o TJRN porque celebra mais transparência na atuação dos magistrados. O decreto de nomeação de Ibanez Monteiro deve ser publicado ainda hoje no Diário da Justiça. Ele tem 30 dias para tomar posse.

 O novo desembargador

O juiz Ibanez Monteiro da Silva tem 28 anos de magistratura. Ingressou na magistratura em 4 de janeiro de 1986, quando iniciou sua carreira na Comarca de Luis Gomes. Em seguida, atuou nas comarcas de São Tomé, Apodi, Macaíba e João Câmara. Atualmente, é titular da 2ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal, jurisdição que exerce desde 12 de abril de 1996.

Ibanez Monteiro graduou-se em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em 1983 e especializou-se em Direito e Cidadania também pela UFRN em 1999. Foi Membro Titular da Turma Recursal dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais do Rio Grande do Norte, no período de 1996 a 1999, sendo seu 1° Presidente. Membro Titular do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte, na vaga de Juiz de Direito, biênio 2002 a 2004.

No período de 1995 a 1997, foi diretor do Centro de Estudos de Informática Jurídica da Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte (Esmarn). Também foi vice-diretor desta instituição, no período de 1998 a 2001 e no biênio 2007-2008. Atuou ainda como juiz corregedor, convocado pelo corregedor da Justiça do Rio Grande do Norte, no período de setembro de 2007 a dezembro de 2008.

No biênio 2005/2006, exerceu a função de juiz eleitoral da 3ª Zona de Natal. Mais recentemente, no período julho a dezembro de 2012, foi juiz eleitoral da 1ª Zona de Natal. Na área da docência, foi professor da Universidade Potiguar (UnP) entre os anos de 1989 a 2008. Atualmente, é professor da Esmarn.

Polícia identifica dupla que fez homem refém em Natal

Suspeitos pretendiam realizar assalto, na rua Praia de Pititinga, mas acabaram cercados

Os dois homens que fizeram um professor refém, durante aproximadamente três horas, em Ponta Negra, foram identificados pela polícia. Jailton Gomes da Silva, de 22 anos, e Antônio Áquila Rebolças, de 25 anos, entraram na casa da vítima, na noite de ontem terça-feira (16), para realizarem um assalto, no entanto, acabaram cercados pela Polícia Militar.

Além deles dois, um adolescente também estava envolvido na ocorrência, no entanto, o menor acabou apreendido ao tentar fugir do cerco policial. O cárcere privado do professor, registrado na rua Praia de Pititinga, terminou por volta das 22h40, após familiares dos suspeitos e representantes dos Direitos Humanos intermediarem as negociações.

Os dois jovens estavam armados com revólveres e foram conduzidos pela Polícia Militar para a Delegacia de Plantão da Zona Sul, em Candelária. Os dois foram autuados por crimes como cárcere privado, porte de arma e assalto. Além desse crime, os dois e mais o adolescente são apontados como autores de mais dois roubos, nos bairros de Nova Descoberta e Morro Branco.

O carro usado por eles, um Celta, de cor vermelha e placas NNQ-3849, foi apreendido. O veículo, de acordo com a polícia, é o mesmo usado nos arrastões registrados nos outros dois bairros. Após serem autuados, Jailton Gomes e Antônio Áquila foram levados para Centros de Detenção Provisória, onde ficaram detidos à espera de julgamento.

O professor que ficou feito refém durante cerca de três horas não sofreu nenhum tipo de ferimento e, apesar do susto, passa bem. Ele estava sozinho em casa, quando os criminosos iniciaram o cárcere privado, tendo em vista que a filha conseguiu escapar antes disso.

Polícia Civil prende acusado de matar jovem de 23 anos em Caicó

Um homem identificado como Henrique Soares foi preso no início da noite de ontem (16), pela Polícia Civil de Caicó. Riquinho, como é conhecido, estava em casa, que fica na rua Professor Viana, quando agentes o prederam como principal suspeito de ter assassinado Anderson Cristian Medeiros Lima, encontrado morto com um tiro na cabeça no Rio Barra Nova no último dia 12 de abril.

Segundo fontes policiais, Henrique confessou o crime e disse que jogou a arma no Rio Barra Nova, e que já vinha sofrendo ameaças por parte da vítima, “inclusive ele (Anderson) ia comprar um Revólver, isso ele comentou com um amigo meu, que também era amigo dele (X9), chegou a bolar um plano de como seria minha morte”, essa revelação foi feita pelo suspeito ao chefe de investigação da 3ª DRP.

A morte de Anderson teria sido motivada por dívidas de drogas, essa revelação é comentada entre os próprios comparsas de Henrique, embora o suspeito negue, contudo, outros jovens estão sendo investigados por terem alguma ligação com o crime, muito embora o principal suspeito leve para si toda a culpa, mas a polícia sabe que mais pessoas estão diretamente envolvidas.

Policial Militar acusado de matar juíza Patrícia Acioli em 2011 é condenado a mais de 19 anos de prisão

Em decisão tomada na noite de ontem (16), o juiz Peterson Barroso Simão, do 3º Tribunal do Júri, condenou o cabo da Polícia Militar (PM) Carlos Adilio Maciel Santos a 19 anos e seis meses de prisão pelo assassinato da juíza Patrícia Acioli. 

Do total da pena, 15 anos serão cumpridos por homicídio triplamente qualificado e quatro anos e seis meses por formação de quadrilha. Patrícia Acioli foi executada em 11 de agosto de 2011 com 21 tiros quando chegava em casa em Niterói.

Com a decisão da Justiça do Rio, sobe para cinco o número de PMs condenados pela morte da juíza. Além de Santos, o também cabo Sérgio Costa Júnior, foi condenado a 21 anos de reclusão, em regime inicialmente fechado (o policial foi beneficiado com a redução de pena por ter feito acordo de delação premiada); os policiais militares Jefferson de Araújo Miranda (26 anos de prisão em regime fechado); Jovanis Falcão (25 anos e seis meses); e Junior Cezar de Medeiros (22 anos e seis meses).

Criança de nove anos foi atingida por disparo de espingarda em Parelhas

Na tarde de ontem terça-feira (16), uma criança de anos, de iniciais J S D P, foi atingida por um disparo de espingarda de chumbinho enquanto praticava esporte no Ginásio Miguelão no bairro Ivan Bezerra em Parelhas.

Segundo informações, a criança que é estudante da Escola Estadual Jesus Menino, estava jogando futsal com outras crianças quando foi atingida pelo disparo.

Informações chegadas a Polícia Militar, dois jovens aparentando ser menores chegaram no Ginásio e efetuaram o disparo fugindo em seguida.
A Polícia Militar realizou diligências conseguiu deter um suspeito, mais foi comprovado que o mesmo não tinha participação no ato.

A criança foi conduzida para o Hospital Dr. José Augusto Dantas, onde recebeu atendimento médico e em seguida foi liberada.

O disparo chegou a atingir o tórax da criança. Um BO foi registrado para as medidas de praxe.

Fonte: Marcos Silva